Buscar
  • SINASEFE BAMBUÍ

Reposição Salarial: Fonasefe e Fonacate exigem abertura de negociação junto aos três poderes


Na última quarta-feira, 02 de fevereiro, Fonasefe e Fonacate realizaram uma manifestação em Brasília para exigir junto aos três poderes uma abertura de negociações para a reposição salarial. As entidades representaram servidores públicos federais de diversos segmentos e contaram com a presença do SINASEFE, por meio dos integrantes da Direção Nacional e das seções sindicais Sintifrj, Sinasefe IFMG e Sinasefe Brasília.




Caminhada na Esplanada



Uma faixa de nove metros foi empunhada pelos trabalhadores, que levaram para as ruas da Esplanada dos Ministérios a reivindicação de reposição salarial emergencial na casa dos 19,99%. Os fóruns que representam as categorias já haviam apresentado a pauta de reivindicações ao Governo Federal no dia 18 de janeiro, em ato que contou com mobilizações em Brasília, Recife e Rio de Janeiro, mas não houve nenhum retorno do governo.



Praça dos Três Poderes



Já na Praça dos Três Poderes, o grupo entoou palavras de ordem e soltou balões com uma pequena faixa, exigindo a abertura de negociações: “Negociação Já! Servidores e servidoras federais exigem abertura de mesa de negociação para recomposição salarial!”, eram os dizeres.

Vale lembrar que, no dia 27 de janeiro, os fóruns enviaram ofício conjunto ao executivo, legislativo e judiciário, solicitando audiências para debater a reposição emergencial. Os ofícios foram endereçados ao Ministro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal, ao Senador Rodrigo Pacheco, presidente do Congresso Nacional e ao Ciro Nogueira, atual ministro-chefe da Casa Civil.

Nos ofícios, as entidades solicitaram a realização de audiências com os representantes dos poderes no dia 2 de fevereiro e enfatizaram que tentaram marcar audiência com a equipe econômica do governo federal a partir de solicitação protocolada no dia 18 de janeiro no Ministério da Economia, mas sem obter retorno.



Anexo da Câmara e Coletiva



As atividades do turno da manhã foram encerradas nas proximidades do Anexo II da Câmara, com falas de integrantes do Fonacate e Fonasefe. Já no período da tarde, houve uma coletiva de imprensa, que contou com a participação do coordenador geral do SINASEFE, David Lobão. Realizada no auditório do Sindsep-DF, a coletiva foi convocada para apresentar as demandas do movimento pela recomposição salarial e para tirar dúvidas de profissionais de comunicação sobre o tema.




Calendário da Campanha Salarial Unificada



  • 05 a 11/02 – Plenárias regionais que definirão ações e atividades a serem realizadas na campanha salarial;

  • 14 a 25/02 – Jornada de Lutas com estado de greve;

  • 09/03 – Indicativo de Greve Nacional do Serviço Público.

14 visualizações0 comentário